Mapa do Site

:: Maratona masculina dos Jogos Panamericanos de Guadalajara - 30 Out 2011


Foto: Ivan Pacheco/Terra

O brasileiro Solonei Silva coroou, neste domingo, sua uma ascensão meteórica no atletismo ao conquistar a medalha de ouro na maratona dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara. O atleta de 28 anos, que até ano passado era coletor de lixo, dominou com folga a prova mais longa do atletismo, com 42.195 metros.


(clique na imagem e veja a vitoria do brasileiro na Maratona)

O brasileiro, que costumava correr com sacos de lixo na mão e fugir de cachorros bravos em Penápolis, no interior de São Paulo, completou a prova em 2h16min37. A segunda colocação ficou com o colombiano Diego Colorado, que cravou 2h17min13s, enquanto o também colombiano Juan Cardona ficou com o bronze, terminando em 2h18min20s.

Solonei da Silva chegou a Guadalajara credenciado pelo bom desempenho na temporada. O atleta teve sua melhor performance em abril, quando venceu a Maratona de Pádova, na Itália, com tempo de 2h11min32s. Nenhum dos outros 20 concorrentes havia conseguido tal marca, suficiente para bater o recorde pan-americano pertencente portorriquenho Jorge Gonzalez: 2h12min43s.

Desta forma, mantem-se o predomínio brasileiro na maratona pan-americana, que já dura quatro edições. Antes de 2011, foram outros três ouros: Franck Caldeira, em 2007 (Rio de Janeiro) e Vanderlei Cordeira de Lima, em 2003 (Santo Domingo) e 1999 (Winnipeg). Antes, o País também venceu em 1987 (Indianápolis), com Ivo Machado Rodrigues.

No feminino, o Brasil também fez bonito na maratona: Adriana da Silva triunfou com uma impressionante arrancada nos quilômetros finais.

Fonte: Portal Terra

Mais notícias da vitória do brasileiro na Maratona dos Jogos do PAN (site da CBAt)

Edição: CORCE on line - 30Out2011|1400

.:: Divulgação & Apoio ::.
CORCE - Corredores de Rua do Ceará - ©2007 - Todos os Direitos Reservados